quarta-feira, 11 de julho de 2012

À macieira do paraíso

..."vejo você me enforcando ali
na macieira do paraíso,
vejo você querendo me matar,
me intimidando com seu sorriso"...



Em homenagem à música de mesmo nome, de Wille Otto; e à Escória.
Acima um trecho dessa grande composição do baixista.
Era a música que mais me aprazia tocar bateria.
E o Jé mandava ver na guita e na gritaria.
Velhos tempos, grandes amigos.
Desenho bem antigo.
Só à caneta.
Assim.
Só.
É.